"round 2? espero que aguentes..."

Élio guimarães

Depois de nos divertirmos no sofá.. Eu pego-lhe no colo e levo-lhe para o quarto.. deito-lhe na cama e dou-lhe um beijo na testa.. vejo que está cansada então meto-lhe de barriga para baixo e faço-lhe uma massagem às costas. Ainda pasmo com o seu corpo imaculado. Aprecio bem cada centímetro, cada canto e cada curva, a sua pele é macia e cheirosa. A cada toque mais excitado fico, pois lá está ela toda nua e eu por cima. Ela sabe que estou a ficar cada vez mais empolgado pois sente a minha ereção por trás, cada vez mais dura a cada movimento. Estendo a minha mão por baixo dela para sentir a sua flor, sinto-a quente e um pouco molhada ..

Cada vez que continuo a tocar-lhe sinto a humidade a aumentar. Continuo e decido meter um dedo por dentro, ela mete a mão por baixo a tentar tirar mas eu insisto... Então continuo a penetra-la com o dedo por trás ao mesmo temo que o sente bem duro por cima dela. Os movimentos vão ficando cada vez mais bruscos e sinto ela cada vez mais vulnerável. Então com a outra mão puxo o seu cabelo, mordo o seu pescoço e vou sussurrar no seu ouvido e digo:

-" Hoje tu não escapas.. hoje tu és minha.."

Ela não perde tempo, tira a minha mão e vira-se de frente para mim e diz:

-"Devora-me agora Zaddy, hoje sou tua.."

Enfio o meu pau na sua cona bem molhada, pego nas suas pernas e começo a fodê-la intensamente. Como se não tivesse havido um único intervalo de tempo entre o primeiro round e agora. Fodo-a com tudo o que tenho, e mais alguma coisa... Olho para ela e vejo que começa a ficar cansada, então eu levanto-a pelas pernas e ponho-a por cima do móvel. Continuo a foder-lhe contra a parede, sem deixar espaço para ela se libertar. As coisas todas caem no chão mas nem damos por isso. É só eu e ela naquele momento. À medida que a fodo intensamente, olho-a nos olhos e mordo o seu pescoço, depois lambo os seus lábios. Mas faço-o rapidamente, só para provocar.

Aos poucos, devagarinho...

A temperatura sobe, e pergunto-lhe onde quer que eu me venha..

-"tu é que sabes Zaddy... és tu quem manda!"

Então levo-lhe para a cama e meto-lhe de quatro. Antes de voltar a foder passo a mão de baixo por cima pela vulva dela, para sentir o quão molhada e inchada ela está. Ela está tão quente... Depois passo pela boca para sentir o seu sabor doce!!!

Dou uma estalada na cona e outras duas no rabo e começo a foder. Prendo os seus braços para ela não fugir.

Continuo a foder e sinto que me estou prestes a vir. Pego na sua cintura e puxo para mim para o meu pau penetrar todo até ao fim e deixar-lhe de rastos... Logo depois de ela vem-se e molha a cama toda. Eu tiro o pau logo a seguir e molho-lhe o rabo todo com o meu leite...

Depois levo-lhe a tomar outro banho sendo este o 3º (muitos banhos hoje) mas mais "limpo". Ligo  a agua quente e temperatura sobe mais. Os vidros da banheira ficam embaciados e ela escreve por dentro e eu leio por fora...

-"Round 3?"